segunda-feira, 29 de outubro de 2012

BIOGRAFIA DE MESTRE IRINEU

NEO campanha

Para comprar o livro visite nossa página de venda neste site: COMPRAR LIVRO  (clique neste link)
ou  entre em contato com:
euvenhodelonge@gmail.com    ou   paulo.tatwa@gmail.com

MOREIRA, Paulo; MACRAE, Edward. Eu venho de longe: Mestre Irineu e seus companheiros.
Salvador, Bahia: EDUFBA, EDUFMA, ABESUP, 2011.
(O livro tem 592 páginas, pesa aproximadamente 1,5 kg e tem dimensões 19,5 x 27,00 cm, e 4 cm de espessura).

DIA DE TODOS OS SANTOS E FINADOS NO DAIME.

Companheiros finados de Mestre trab11
DIA DE TODOS OS SANTOS E FINADOS NO DAIME.
O Mestre Irineu desde que começou o Daime em Rio Branco fazia uma sessão que iniciava no dia de Todos os Santos e terminava no dia de Finados. Essa data do calendário do Daime ficou conhecida como o dia de Todos Santos e dia de Finados. Depois da morte do Mestre Irineu, muitos passaram a se referir a essa data só como dia de Finados. No final da década de 1960 depois que seus discípulos companheiros de maior expressão já tinham morrido, ele sugeriu cantar os hinários deles nessa data. Assim no dia 1 para o dia 2 de Novembro são cantados e bailados os hinários dos companheiros do Mestre Irineu: Germano Guilherme, João Pereira, Maria Damião, Antônio Gomes e os hinos novos do Mestre Irineu. Igualmente aos outros festejos inicia-se o terço as 18:00 horas, a distribuição as 18:45 e o baile as 19:00 horas. Dá-se viva até antes da meia noite. Depois da meia noite o baile segue sem vivas, pois, já é dia de finados. Ao final do baile é realizada a Santa Missa (sem mesários e ninguém na mesa) que inicia com a reza do Terço. Após a Missa muitos dos seguidores de Mestre Irineu se dirigem ao cemitério para visitar o túmulo de parentes. Usa-se farda azul neste dia.